Como cortar a carne do churrasco corretamente?

cortar a carne

Uma das alimentações mais comuns e querida pelos brasileiros é o famoso e amado churrasco, e se você não é um expert no assunto com certeza já ficou na dúvida de como cortar a carne que vai para a brasa, certo?

 

Afinal existe mesmo um jeito certo de cortar carne ou é só história? 

Não é apenas uma lenda, existe sim, um jeito correto para cada parte da peça de carne, e cada corte pode modificar o sabor dela. Por isso é tão importante saber realizar o corte para que não perca a carne, porque mesmo com um tipo de carne de primeira, com o corte errado, o churrasco terá saído do eixo. 

Quem nunca foi em um churrasco se alegrou ao ver uma picanha suculenta, e quando saboreou percebeu que a carne, apesar de ser classe A, estava na verdade muito dura. Isso acontece até nas carnes mais nobres, um corte errado pode ser decisivo e fazer um estrago no seu churrasco ou deixar a carne ainda mais saborosa. 

Os erros ao cortar a carne são muito comuns, mesmo quem está acostumado a manusear esses alimentos com frequência e bate ponto nos churrascos todos os domingos podem desconhecer as dicas e os jeitos corretos dos cortes nas carnes. 

 

Como acertar o corte da carne?

Para início de conversa devemos nos lembrar que existem diversos tipos de carnes, e cada um se encaixa melhor em um tipo de corte. Pode parecer complexo, mas você pode aprender a deixar a sua carne mais suculenta e surpreender seu público no próximo churrasco. O corte padrão e o inovador, são os dois tipos mais comuns, no tradicional a faca sempre deve seguir as linhas das fibras, as vantagens são:

  • Carne mais macia
  • Maior suculência 
  • Maior aproveitamento da peça incluindo todas as partes como a gordura 
  • Sabor mais marcante 

Já o inovador é um corte no sentido contrário a fibra, para ele você deve posicionar a faca com ângulo de 90ºC e corte contra a fibra, a dica aqui é identificar primeiro o sentido dela, levando em consideração que cada tipo de carne a fibra se diferencia. 

Ficou ainda mais curioso para saber como chegar ao corte certo de cada carne, então confira abaixo os cortes mais indicados para cada grupo de carne:

  • Peixes e frangos: Esses tipos de carnes são as mais fáceis, mas também as mais delicadas, frango e peixe não costumam ter muitas fibras nem gorduras, o corte vai variar de acordo com a finalidade, mas para churrasco opte por facas lisas e afiadas, retire o excesso de pele ou escamas, na churrasqueira os peixes podem ir inteiros envolto de alumínio, e os frangos espetados com osso mesmo é o ideal para grelhá-los. 
  • Carnes bovinas: As carnes bovinas opte por fazer corte contra as fibras nas carnes de segunda, pois elas costumam ser mais duras, já as carnes de primeira tanto o corte tradicional, quanto o corte inovador caem bem, lembre-se que para churrasqueira opte por cortar bifes mais espessos. 
  • Carne suína: As carnes de porco, principalmente as costelas, o corte mais escolhido para churrasco devem ser cortadas com osso e entre elas, para que os pedaços tenham sustância, sabor e suculência. 

 

Separamos também um vídeo simples e prático para você aprender de vez os cortes ideias e já usar no próximo churrasco: